Segue-me | Tumblr

тιago, 18 anos. Um rapaz como os outros que encontra demasiadas coisas por entre as coisas que devem ser notadas. E este é um espaço meu, entre todas as outras coisas.


 


between.




Domingo, 24 de Julho de 2011

As coisas não estão bonitas #

 

Sexta foi um dia de praia que me soube igualmente bem, como os outros. Fiquei até por volta das 19h30 com as minhas primas e depois o meu pai apareceu para me levar. Assim que entrei no carro começou logo a barafunda. «Era só que faltava ter de te vir buscar á praia quando tenho coisas para fazer em casa!» e eu respondia-lhe «Até parece que me vens buscar todos os dias...». Vamos esclarecer as coisas: FOI A PRIMEIRA VEZ QUE ELE ME FOI BUSCAR À PRAIA EM MUITOS ANOS! E tendo em conta que estou em média 4 dias por semana lá, acho que esta excepção não foi exagerada e muito menos motivo para que me estivesse a dar um sermão. Além disso, combináramos á hora de almoço, antes de ir, que me iria buscar. E ele aceitou. -.-

Depois antes de chegar a casa, ouvi na rádio: Atentados na Noruega fazem entre 10 a 20 mortos. Fiquei completamente :o. Nunca me passara pela cabeça que num dos países com melhor qualidade de vida do mundo isto pudesse acontecer.

No sábado acordei com os berros da minha mãe: Sai da cama, preciso que me venhas ajudar a pôr coisas no sótão! E lá fui eu passadas umas cinco vezes dela o ter repetido. Estava a dormir em pé quando soube também que tinham sido mais de 90 os mortos em Oslo e Utoya.

 Á tarde ia ouvir as 40 da Cidade Fm, como faço quase sempre, enquanto arrumava a casa. O que me apela na tabela é a barafunda de subidas e descidas e aquela pequena ansiedade de saber como estão organizados os números. Só que por motivos desconhecidos, começou a dar a mesma tabela de há 3 semanas atrás, em vez da mais recente. Desliguei o rádio e fui ler para o jardim. “Os Filhos da Droga”, um dos livros que a stôra de Biologia me emprestou, é espectacular (tal como o outro, “Bipolar”). Assim que terminei soube da morte de Amy Winehouse... ironia das coisas, também ela era uma filha da droga. E eu, não acreditei interiormente. Não gostava especialmente dela, mas lembrei-me das vezes que dancei ao som de Valerie ou mesmo de Rehab e fiquei um pouco triste. Defronto-me com a fragilidade do ser humano perante estas perdas. Se compararmos os seus 27 anos com a esperança média de vida nos 80 anos, é arrasador saber que tinha cerca de 53 anos para viver ainda...

E para finalizar, continuo a ter uma relação difícil com os meus pais... Tento percebe-los em tudo mas sinto que eles não o fazem em relação a mim. As discussões estão a multiplicar-se e só me lembro do estalo que a minha mãe me deu há duas semanas. Deve ter sido justamente dado, mas corrói-me saber que as coisas nunca deviam ter chegado a este ponto. Refugio-me deles de todas as maneiras que posso. Leio, escrevo, saio de casa ou estou no computador. E tudo se contradiz. Eu tento fugir dos melhores pais que podem existir, e sei que eles gostam tanto de mim como eu deles, mas há falta de demonstração desse amor, e isso estraga tudo. E Isso é tão certo como as lágrimas que me estão a cair agora...

Preciso de ocupar a cabeça, espero que o jantar de amigos que tenho dentro de horas me possa ajudar. Pelo menos por algum tempo.



left by тιago às 18:01
link | deixar comentário | favorito
(23):
De Blueberries a 25 de Julho de 2011 às 13:53
oh, obrigada, a sério (: e obrigada por seguires. já fiz o mesmo (:

Como eu te compreendo, mas com o tempo vais ver que as coisas vão mudar (:


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 20:51
de nada (:


tenho essa esperança.


De Miriam ∞ a 25 de Julho de 2011 às 12:05
éh , a minha relação com os meus pais também está um pouco digamos "estranha" , eu sinto que eles não me percebem , e há momentos em que penso para mim "calma , só mais uns aninhos e já podes sair de casa" mas dp sei que vou sentir falta deles, porque eu gosto deles e sei que eles gostam de mim, mas a adolescencia é dificil de lidar quer para eles quer para "nós". Por isso eu percebo-te !


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 20:50
pois mira, é mesmo por aí.. mas pronto, é só uma questão de tempo (:


De Raquel a 25 de Julho de 2011 às 11:59
Não fazia ideia que a tua mãe te tinha dado um estalo :o
Olha acho que com isto vou começar a conhecerte melhor o que é muito bom (:

Sei que não é fácil passar por isto, porque de certa forma tambem o passo,é complicado saber que nossos próprios pais não nos percebem mas gostam muito de nós mas tbm não o conseguem mostrar,mas tambem sei que as coisas com o tempo vão melhorar tanto para ti como para mim, só temos de acreditar :b

Força aí ma friend *-*


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 20:49
não contei a ninguém.
espero que sim (:

claro, é mesmo isso! tudo vai melhorar :)


De MJ a 25 de Julho de 2011 às 01:56
Ohhh obrigada!;) Sê bem vindo ao meu blogue!!!;)

Como estás com os teus pais? Acho que é dificil ser pais, mas ta,bém acho muito dificil em sermos filhos. A minha relação com os meus pais também não é das melhores mas não me posso queixar, eu tenho os meus devaneios, discuto com eles mas passado uma hora já está tudo mais calmo. Há momentos em que nos damos bem, mas também há outros que somos piores que umas feras. Mas sobretudo, sinto-me que não muita compreensão por parte deles...mas sobrevive-se a isso, certo? Vá, Força, amanha será um dia melhor!;)

beijinhos e boa noite*

MJ


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 20:46
:)

eu tambem estou como tu, as coisas não estão terrivelmente más, mas não me estou a conseguir habituar a que tantas discussoes nos deixem mal e tristes. Discutimos por tudo e por nada.. mas eu vou esforçar-me ainda mais para que isto deixe de existir, penso que se vai notar mais o meu esforço e talvez eles percebam.


De Daniela a 24 de Julho de 2011 às 22:48
Infelizmente a nossa adolescência é uma altura complicada para nós e para os nossos pais :/
Eles não nos percebem , em nada !
A diferença que há entre uns e outros é que alguns ainda tentam compreender , e não nos julgam por isto ou por aquilo , mas pronto :S
Vai custar a passar , mas pode ser que daqui a uns tempos esteja tudo melhor...


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 01:16
pois, é mesmo um problema da idade... mas espero que isto passe depressa, não gosto nada disto :x


De Daniela a 25 de Julho de 2011 às 01:52
Sabes que é nesta idade que estamos a definir a nossa personalidade , estamos a tornar-nos numa pessoa um pouco diferente , estamos a crescer . Somos incertos , nem sempre queremos , dizemos ou fazemos a mesma coisa , e os nossos pais acabam por não saber lidar connosco .. É chato , mas é um bocado normal .. E provavelmente os teus pais estão a passar por uma fase difícil , e acabam por não perceber que descarregam em ti , e que o que tu precisas é de apoio e compreensão da parte deles , e que eles não o estão a tentar fazer :/


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 20:40
eu entende-os, e tenho esperanças que esta situação não venha a destruir a nossa relação, até porque assim que passe, a relação vai estar mais forte, porque vai ser preciso uniao para a ultrapassar


De Daniela a 25 de Julho de 2011 às 20:43
Claro . É preciso união e calma , depois com o tempo tudo se resolve :/


De copodeleite a 24 de Julho de 2011 às 22:20
É triste assistir à deterioração das relações familiares não por falta de afecto mas porque não se demonstra.
Espero que o ambiente me tua casa melhore.
beijo


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 01:15
o que há aqui é uma deterioração da relação pais-filho. os meus pais continuam a amar-se e tudo mais, e tambem me amam, mas pronto, ja dei a entender o que se passa.
eu tambem espero que venha a acontecer, é necessario que as coisas não piorem, não sei até que ponto nos podemos suportar na medida em que qualquer acto de cabeça quente pode vir a não ter perdão..
bj e brgd pela preocupação


De copodeleite a 25 de Julho de 2011 às 22:32
percebi. por vezes é necessário não levar todos os arrufos e até estalos a peito. devemos consciencializarmos que também temos culpa na deficiente relação entre filho-pais . com pequenos gestos e palavras no dia-a-dia conseguimos mostrar que queremos que a família torne-se unida uma vez mais. É processo lento e é necessário muito paciência mas recompensador.


De тιago a 29 de Julho de 2011 às 22:33
claro, é um esforço de ambas as partes que traz vantagens (:


De Fii a 24 de Julho de 2011 às 20:08
"E para finalizar, continuo a ter uma relação difícil com os meus pais... Tento percebe-los em tudo mas sinto que eles não o fazem em relação a mim."
Acredita que também me sinto assim muitas vezes.
Estas cenas são sempre complicadas, porque muitas vezes, e acredito que não seja por mal, os nossos pais magoam-nos mais do que qualquer outra pessoa possa fazer. Sei que não nos conhecemos, mas se precisares de alguma coisa, diz. :)


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 01:12
tu percebes-me, parece-me. eles não o fazem por mal. Dão-me tudo o que podem, mas têm ligado mais á parte material e esquecido a emocional. E eu preferia a segunda..
brgd por poder contar cntg :)


De NattahL a 24 de Julho de 2011 às 18:23
Fiquei pasmada com o texto :$
A tua mãe deu-te um estalo? :o
Isso é... triste :c
Espero que a tua relação com a dos teus pais melhore (:
xoxo'


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 01:10
deu, mas penso que mereci, caso contrário não o tinha feito. ela não mo deu por mal, sei que tambem ficou um pouco perturbada por tê-lo feito.. :/
as coisas dificilmente se vão endireitar com o esforço de um lado só apenas. Acho que o emprego de ambos e o tempo que passam ocupados nos tem afastado, eu deles e eles de mim.. somos uma boa familia, e custa-me que as coisas estejam assim.
e brgd, renata (:


De NattahL a 25 de Julho de 2011 às 14:01
Claro que ficou perturbada, qual é a mão que gosta de dar um estalo ao filho? :x
Mas também tens de amostrar a eles que sem o seu esforço as coisas são difíceis tanto para ti como para eles e tu precisas da compreensão deles!
Uma família é para estar junta, ser amada e respeitada! E tu mereces que eles te dêem mais afecto! Pelo menos é o que eu consigo perceber pelo teu texto.
E desculpa se eu estou a meter-me onde não devo, mas se hoje eu podes-se ter o meu pai comigo, isso seria tudo o que desejo! E principalmente que me amas-se mais do que aquilo que mostra!
E fica a saber que as seguidoras também tem o mesmo papel que os amigos, estão aqui uns para os outros (:
xoxo'


De тιago a 25 de Julho de 2011 às 20:37
:) mt obrigado pelo apoio renata. Obviamente que não te estás onde não deves


It exists between us since 22nd July 2011